1 comentário

  1. João Araújo

    Boa noite . Maravilhoso artigo . Tem uma colocação p fazer , quanto ao regime da separação de bens . Hoje os tribunais tem decidido que exista e comunhão dos bens adquiridos onerosamente durante o casamento . Dessa forma acaba sendo um engano casar nesse regime ornando que no divórcio o outro não terá direito patrimonial

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *