5 Comentários

    1. Direito Familiar

      Olá Orle, tudo bem?

      Não conseguimos entender o seu questionamento. Sua pergunta poderia ser mais clara e específica?

      Obrigada!!

      Atenciosamente,
      Equipe Direito Familiar

      Responder
  1. Rosivaldo ribeiro Florêncio

    rosivaldo sou casado a cinco anos tenho u filho não sou pai biológico mais tenho muito carrinho pelo menino depois ao passa esses anos u pai está querendo a fazer exameDna pra ter direito a ver a criança só que eu u i a minha esposa não queremos . a justiça obriga mãe deixa isso acontecer i eu perder a guarda da criança por favor me ajudem..

    Responder
    1. Direito Familiar

      Olá Rosivaldo, tudo bem?

      Primeiramente, precisamos perguntar: o senhor registrou o filho em seu nome ou regularizou a situação por meio de um processo de adoção ou de reconhecimento de paternidade socioafetiva? O senhor exerce a guarda fática ou ela lhe foi atribuída judicialmente?

      É que, somente se houve alguma regularização é que se pode considerar que o senhor seja efetivamente pai dessa criança, embora não possua vínculo genético com ela. Além disso, sendo tomadas ou não essas medidas, o pai biológico pode entrar com uma ação visando o reconhecimento do vínculo genético. Porém, caso seja essa a hipótese que se apresenta, várias circunstâncias serão analisadas, inclusive a possibilidade de se aplicar a multiparentalidade – ou seja, a inclusão do pai biológico no registro da criança sem a exclusão do pai que está no registro.

      Embora possam existir mudanças, isso não implica dizer que o senhor estará impedido de ver ou de exercer a guarda da criança. O ideal é procurar por advogados especializados em Direito de Família ou a Defensoria Pública, que poderão analisar as particularidades da situação – com todos os seus detalhes – e prestar maiores esclarecimentos.

      Em relação ao tema, sugerimos a leitura dos seguintes artigos:

      “Meu filho não tem pai registrado. E agora?”
      http://direitofamiliar.com.br/meu-filho-nao-tem-pai-registrado-e-agora/

      “Pai ou mãe é quem cria!: Descubra como o Direito entende isso”
      http://direitofamiliar.com.br/pai-ou-mae-e-quem-cria-descubra-como-o-direito-entende-isso/

      “Registrei uma criança que não é meu filho biológico, e agora?!”
      http://direitofamiliar.com.br/registrei-uma-crianca-que-nao-e-meu-filho-biologico-e-agora/

      Por ora, esperamos ter ajudado!

      Atenciosamente,
      Equipe Direito Familiar.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *